Enxaqueca pode aumentar risco de doenças cardiovasculares

Dr. Luiz Henrique Dourado, neurologista do Hospital do Coração (HCor), em São Paulo, aborda em entrevista a enxaqueca, que incide em aproximadamente 15% dos brasileiros entre 20 e 40 anos de idade. Deste universo, 81% são mulheres e 59,7% são homens, segundo dados da Sociedade Brasileira de Cefaleia (SBCe). Recente estudo demonstrou que esta doença aumenta o risco de os pacientes desenvolverem doenças cardiovasculares, tais como infarto e acidente vascular cerebral (AVC) isquêmico. O risco acaba se tornando duas vezes maior quando há a combinação de tabaco e o uso de anticoncepcionais. A seguir, o especialista analisa esta relação.


Leia o artigo completo CLICANDO AQUI!

8 visualizações0 comentário